Blog Pessoal

6 dicas-relâmpago para caprichar no copywriting dos seus emails B2B

1. Escreva emails com o cliente em mente, não a empresa

Mesmo em um ambiente Business-2-Business, são as pessoas que tomam as decisões, fazem compras ou tomam as ações desejadas, e é para elas que o conteúdo dos nossos emails deve apontar. Estas 6 mini-dicas ajudam a potenciá-lo:

Mesmo num contexto B2B, são as pessoas que tomam as decisões, não um conceito abstrato como “empresa”.

2. Faça parágrafos a cada 2 ou 3 frases

Muitos emails têm parágrafos gigantes, blocos maçudos de texto que se tornam difíceis de ler. E quem não lê não compra.

3. Use subtítulos e listas ordenadas ou desordenadas (como esta)

As pessoas passam de relance e fazem um scan rápido quando estão a ler online.

4. Limite os call-to-action a um ou dois itens

Mais do que isso e as pessoas ficam confusas com tanta opção. Uma pessoa confusa é uma pessoa que não compra.

5. Coloque o link de call-to-action no princípio de cada email

Aqueles que estão prontos para tomar algum tipo de ação podem querer fazê-lo antes sequer de ler o resto do email. Torne fácil para a pessoa responder ou tomar alguma ação no email. Repita o link ao longo do email, e no fim deste também.

6. Seja consistente no envio dos emails

As pessoas poderão estar habituadas a receber os seus emails em certos dias ou alturas do dia. Use o mesmo template para os seus emails serem mais facilmente reconhecidos a longo prazo.

Emails escritos de forma profissional, com boas técnicas de copywriting, têm mais aberturas e mais respostas. Não desaproveite esse potencial!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *